Morandi é oficializado pré candidato a prefeito em Candói

O diretório municipal do PRB de Candói, oficializou esta semana a pré candidatura a prefeito do Município. Jeferson Morandi, atual vice-prefeito e presidente do partido na cidade, foi indicado como pré candidato para disputar as eleições em outubro próximo.

De acordo com Morandi, a indicação do partido foi baseada na sua trajetória pública em Candói. “Por cerca de 16 anos atuei na Câmara de Vereadores e nos últimos três anos e meio participo da administração municipal. Implantamos um novo sistema administrativo e que tem trazido muitos benefícios para a população. Acreditamos que este trabalho deve ter continuidade e estou preparado para isso”, afirma Morandi.

De acordo com o pré candidato, os contatos com os partidos que compõem a base da atual administração serão intensificados a partir de agora. “Nós temos um ótimo grupo, composto por pessoas capacitadas. Vários nomes estão prontos para disputar as eleições e estamos nos colocando à disposição, como uma das opções do grupo. Estamos intensificando o contato com os demais partidos e com as lideranças para levar nossa proposta e projeto de governo. A união do nosso grupo é fundamental para as eleições de outubro próximo”, conclui.

Fonte: redesuldenoticias

Confira as principais datas previstas no calendário eleitoral do pleito deste ano

O calendário das Eleições Municipais 2016, aprovado pelo Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em novembro do ano passado, incorpora as modificações introduzidas pela Lei 13.165, aprovada pelo Congresso Nacional em 29 de setembro de 2015. O calendário contém as datas do processo eleitoral a serem respeitadas por partidos políticos, candidatos, eleitores e pela própria Justiça Eleitoral.

Conforme o previsto na Constituição Federal, a eleição será no dia 2 de outubro, em primeiro turno, e no dia 30 de outubro, nos municípios onde houver segundo turno. Os eleitores vão eleger os prefeitos, vice-prefeitos e vereadores dos municípios brasileiros.

Filiação partidária

Quem quiser concorrer aos cargos eletivos deste ano deve se filiar a um partido político até o dia 2 de abril de 2016, ou seja, seis meses antes da data das eleições.

Convenções partidárias

As convenções para a escolha dos candidatos pelos partidos e a deliberação sobre coligações devem ocorrer de 20 de julho a 5 de agosto de 2016.

Registro de candidatos

Os pedidos de registro de candidatos devem ser apresentados pelos partidos políticos e coligações ao respectivo cartório eleitoral até às 19h do dia 15 de agosto de 2016.

Propaganda eleitoral

A campanha eleitoral foi reduzida de 90 para 45 dias, começando em 16 de agosto. O período de propaganda dos candidatos no rádio e na TV também foi diminuído de 45 para 35 dias, tendo início em 26 de agosto, em primeiro turno.

Teste público de segurança

O dia 31 de março é o prazo final para o TSE realizar o teste público de segurança do sistema eletrônico de votação, apuração, transmissão e recebimento de arquivos que serão utilizados nas eleições. As datas definidas para a realização do teste são os dias 8, 9 e 10 de março de 2016.

Campanhas institucionais

A partir do dia 1º de abril, o TSE deverá promover em até cinco minutos diários, contínuos ou não, requisitados às emissoras de rádio e televisão, propaganda institucional destinada a incentivar a participação feminina na política, além de esclarecer os cidadãos sobre as regras e o funcionamento do sistema eleitoral brasileiro.

Remuneração de servidores

A partir de 5 de abril, 180 dias antes das eleições, até a posse dos eleitos, é vedado aos agentes públicos fazer, na circunscrição do pleito, revisão geral da remuneração dos servidores públicos que exceda a recomposição da perda de seu poder aquisitivo ao longo do ano da eleição.

Retirada e transferência de título

O dia 4 de maio é a data limite para o eleitor requerer inscrição eleitoral ou transferência de domicílio. Também é o último dia para o eleitor que mudou de residência dentro do município pedir alteração no seu título eleitoral e para o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicitar sua transferência para Seção Eleitoral Especial.

Programas de comunicação

A partir do dia 30 de junho fica vedado às emissoras de rádio e de televisão transmitir programa apresentado ou comentado por pré-candidato, sob pena, no caso de sua escolha na convenção partidária, de imposição de multa e de cancelamento do registro da candidatura.

Propaganda partidária

Já a partir do dia 1º de julho não será veiculada a propaganda partidária gratuita prevista na Lei dos Partidos Políticos (Lei 9.096/1995) nem será permitido nenhum tipo de propaganda política paga no rádio e na televisão.

Condutas vedadas

Três meses antes das eleições, a partir do dia 2 de julho, os agentes públicos ficam proibidos das seguintes condutas:

– Nomear, contratar ou de qualquer forma admitir, demitir sem justa causa, suprimir ou readaptar vantagens ou por outros meios dificultar ou impedir o exercício funcional e, ainda, remover, transferir ou exonerar servidor público, ressalvados os casos de: nomeação ou exoneração de cargos em comissão e designação ou dispensa de funções de confiança; nomeação para cargos do poder Judiciário, do Ministério Público, dos Tribunais ou Conselhos de Contas e dos órgãos da Presidência da República; nomeação dos aprovados em concursos públicos homologados até 2 de julho de 2016; nomeação ou contratação necessária à instalação ou ao funcionamento inadiável de serviços públicos essenciais, com prévia e expressa autorização do chefe do Poder Executivo; transferência ou remoção de militares, de policiais civis e de agentes penitenciário;

– realizar transferência voluntária de recursos da União aos estados e municípios e dos estados aos municípios, ressalvados os recursos destinados a cumprir obrigação formal preexistente para execução de obra ou de serviço em andamento e com cronograma prefixado e os destinados a atender situações de emergência e de calamidade pública.

Também a partir dessa data é vedado aos agentes públicos das esferas administrativas cujos cargos estejam em disputa na eleição:

– com exceção da propaganda de produtos e serviços que tenham concorrência no mercado, autorizar publicidade institucional dos atos, programas, obras, serviços e campanhas dos órgãos públicos municipais ou das respectivas entidades da administração indireta, salvo em caso de grave e urgente necessidade pública, assim reconhecida pela Justiça Eleitoral;

– fazer pronunciamento em cadeia de rádio e de televisão, fora do horário eleitoral gratuito, salvo quando, a critério da Justiça Eleitoral, tratar-se de matéria urgente, relevante e característica das funções de governo.

Ainda é vedada a realização de inaugurações, a contratação de shows artísticos pagos com recursos públicos e o comparecimento de qualquer candidato a inaugurações de obras públicas.

Emissoras de rádio e TV

A partir do dia 6 de agosto as emissoras de rádio e de televisão não poderão veicular em programação normal e em noticiário, ainda que sob a forma de entrevista jornalística, imagens de realização de pesquisa ou de qualquer outro tipo de consulta popular de natureza eleitoral em que seja possível identificar o entrevistado ou em que haja manipulação de dados; veicular propaganda política ou difundir opinião favorável ou contrária a candidato, partido, coligação, seus órgãos ou representantes; dar tratamento privilegiado a candidato, partido ou coligação.

Comício e sonorização

A partir do 16 de agosto, quando começa a propaganda eleitoral os candidatos, os partidos ou as coligações podem fazer funcionar, das 8 às 22 horas, alto-falantes ou amplificadores de som, nas suas sedes ou em veículos. Também os partidos políticos e as coligações poderão realizar comícios e utilizar aparelhagem de sonorização fixa, das 8 às 24 horas, podendo o horário ser prorrogado por mais duas horas quando se tratar de comício de encerramento de campanha.

Internet

Também a partir de 16 de agosto começará o prazo para a propaganda eleitoral na internet, sendo vedada a veiculação de qualquer tipo de propaganda paga.

Confira aqui a íntegra do Calendário Eleitoral das Eleições de 2016.

 

Fonte: TSE

I Encontro de Presidente Municipais PRB Paraná

O Partido Republicano Brasileiro do Estado do Paraná, realizou nesse sábado (13), o 1ª Encontro de Presidentes Municipais do estado, reunindo mais de metade da Executivas Municipais, bem como, seus presidentes e membros.

O Encontro foi pautado na importância de unidade partidária e também teve como tema central as eleições de 2016, onde o partido se encontra mobilizado para cumprir as metas já estabelecidas nacionalmente.

Em seu discurso, o presidente estadual, Fábio Santos, destacou da importância de trazermos e fazermos crescer a militância e a participação dentro dos movimentos partidário._DSC6366

Fábio Santos fez um discurso coeso que trouxe uma realidade mais próxima à sociedade atual, houve uma significante evolução no relacionamento com os coordenadores, a orientação foi para que as atitudes de cada executiva municipal levem em conta o bem do povo Paranaense: “Nosso partido precisa fazer a diferença, não queremos ser melhores que os outros, mas queremos ser diferentes do que tem sido proposto e mudar a história política do nosso Estado” completou.

A importância de fazer o PRB Paraná crescer no pleito deste ano, também foi explanada pelo presidente. A meta já está traçada, e os presidente municipais devem se esforçar ao máximo para cumpri-las, construindo uma chapa forte e com chances de vitória. O resultado dessa eleição é fundamental para que o PRB alcance o planejamento de longo prazo e assim possa consequentemente aumentar cada vez mais seu quadro de filiados e representantes não só nas esferas municipais e estaduais, mas também na esfera federal onde o PRB vem se consolidando cada vez mais, expandindo sua representação na Câmara e assumindo postos importantes no governo.

Assuntos internos também foram discutidos, mostrando a importância do funcionamento efetivo das Executivas. As orientações Administrativas, Financeiras e principalmente jurídicas, nas mudanças da Lei dos Partidos Políticos e Código Eleitoral, foram a base da primeira etapa do encontro.

_DSC6240 _DSC6273
_DSC6341 DSC9108

Confira todas as fotos na galeria do PRB Paraná

Texto: Ascom PRB Paraná
Fotos: Derli Junior/Alaor Oliveira

Reta final para filiações

Olá republicanos de todo o Brasil.

O prazo para filiações partidárias para aqueles que pretendem concorrer às eleições do ano que vem foi reduzido para seis meses com a conclusão da votação da minirreforma eleitoral. No entanto, o texto precisa ser sancionado pela presidente Dilma Rousseff nas próximas duas semanas para valer em 2016.

A tendência é que o projeto seja sancionado, mas é melhor não correr risco. A determinação aos presidentes estaduais e municipais, contudo, é trabalhar com força máxima até o próximo dia 2 de outubro e garantir que todos os republicanos estejam devidamente filiados. Devemos ter a simplicidade da pomba, mas a prudência da serpente.

Tenho percorrido o Brasil atraindo gente de bem às fileiras do partido para concorrerem a prefeito e vereadores, como vocês podem acompanhar pelo meu site e minhas mídias sociais. Por isso exijo dos presidentes estaduais nada menos do que o mesmo empenho que o meu. Não tenho um fim de semana livre há vários meses.

Há tempo para plantar e para colher. Há tempo para trabalhar e tempo para descansar. Agora é hora de plantar e continuar trabalhando. Venho falando dos prazos ao longo dos últimos oito meses. Não vou aceitar a tradicional desculpa de que “não teve tempo”. Respeitadas as singularidades regionais, o PRB deve crescer uniforme.

Qualquer novidade iremos informar nos canais do partido.

 

Boa semana a todos.

Marcos Pereira – Advogado e Presidente Nacional do PRB

PRB Curitiba realiza mais um reunião com pré-candidatos

O presidente estadual do Partido Republicano Brasileiro, Fábio Santos e o secretário-geral, Osias Moraes, realizaram na semana passada mais uma reunião com possíveis pré-candidatos a vereador nas eleições de 2016, em um evento diferente que serviu para que os futuros postulantes à Câmara Municipal, pudessem expor seus projetos, suas ideias, o que pensam sobre as necessidades de Curitiba, e principalmente o porquê de querer se candidatar a vereador em nossa cidade.

Diversos pré-candidatos fizeram uso da palavra e expuseram seus projetos, que vão desde melhorias em ruas dos bairros da cidade, passando pelo transporte coletivo, saúde, educação e habitação, com ênfase na qualidade de vida do cidadão, diminuição da desigualdade, benefícios à todas as classes profissionais, tudo dentro da prática da boa política e da justiça, que deve nortear a opinião do PRB como um todo, um partido com pensamento único na cidade e nas pessoas que a habitam.

IMG_3367  IMG_3376

Além de pregar a união de esforços, o presidente Fábio Santos disse que “o seu sonho é termos dentro do partido políticos que trabalhem para o povo, e que os parlamentares do PRB possam fazer para a população como se fosse para os seus filhos”, se referindo a necessidade da prática de uma política honesta e voltada única e exclusivamente para as pessoas de forma especial para as mais necessitadas, aquelas que mais precisam da presença do poder público.

IMG_3383 IMG_3372

Reuniões como essa já estão sendo realizadas há alguns meses em diversas cidades do interior do Paraná, com lideranças do PRB, filiados novos e antigos, vereadores e pré-candidatos, com o presidente ouvindo os membros do partido e tirando conclusões sobre o que pensa cada filiado sobre política e o que o partido pode fazer para tornar sua participação perante a sociedade muito mais decisiva e objetiva, uma das metas do PRB e que está sendo colocada em prática em todo o país.

IMG_3338

Paranaguá tem pré-candidato ao executivo municipal

Nesse último sábado, 29, na Chácara do SINTRAPORT, Gerson Antunes, o “Bagé”, filiou-se no Partido Republicano Brasileiro (PRB) e lançou seu nome como um dos pré-candidatos à Prefeitura de Paranaguá. Na ocasião estavam compondo a mesa a presidente e vereadora pelo PRB municipal, Laryssa Castilho Poleti, pastor Francisco Neto, representando o Dep. Edson Praczyk, pastor Gentil da igreja Quadrangular, Carlos Tortato, ex prefeito e presidente do Sindicato dos Conferentes, Ogarito Linhares, membro do CAP, Everson Leite, secretário da ESTIVA e membro da INTERSINDICAL e o vereador Adalberto Araujo (PSB). Além de representantes da Força Sindical, Associação dos Taxistas, lideranças comunitárias, Sindicato dos Arrumadores, imprensa, e população que estiveram presentes.

Para Laryssa, “Gerson Bagé mostrou-se muito capacitado para ser o representante da Categoria Sindical, estou honrada em tê-lo no PRB”.

Gerson Bagé, é casado e tem dois filhos, advogado, presidente da SINTRAPORT, diretor da INTERSINDICAL e foi comentarista esportivo do Rio Branco e em seu discurso, Gerson finaliza com palavras de confiança e vontade de ser a mudança e renovação na política: “…com o apelo de vários companheiros e da população que clama por mudança de verdade, nestes longos 48 anos de vida, coloco-me a disposição para a verdadeira renovação politica de nossa cidade”.